Douro / Quinta dos Murças

Assobio Branco 2017

2017 2016 2015 2014 2013

Tinto Branco Rosé

Conceito do Vinho

Respeitando a tradição vitivinícola da mais antiga região demarcada do mundo, são vinhos produzidos com base nas suas variedades autóctones. Versáteis e gastronómicos, expressam o lado mais fresco do Douro.

Agricultura

Foi um ano atípico, extremamente quente e seco. A ausência prolongada de precipitação e as temperaturas muito elevadas, registadas durante a primavera, aceleraram a evolução e maturação da uva. A vindima teve inicio no dia 10 de Agosto, cerca de 2 semanas mais cedo que 2016, e terminou no dia 25 de Agosto.

GEOLOGIA DO SOLO
Solos xistosos e graníticos

IDADE DAS VINHAS
15 a 20 anos

Castas

Verdelho, Gouveio, Viosinho, Rabigato, Códega do Larinho

Vinificação / Estágio

Vindima manual, mesa de selecção, prensagem pneumática, fermentação alcoólica com temperaturas controladas (12º a 14ºC).

Em cubas de inox sobre borras finas.

Mais Informações

DOURO – ALTITUDE – FRESCURA

Junto a um dos limites da Quinta dos Murças, encontramos encostas íngremes formando um vale. Neste local, de orientação maioritariamente a Norte, mais protegido do sol, quando o vento passa ouvimo-lo assobiar.

É de vinhas como as que ali se encontram, de parcelas com características únicas, a cotas mais elevadas, que provém o Assobio.

Fruto das castas mais tradicionais da região, os nossos Assobios tinto, branco e rosé, frescos e versáteis, são vinhos com grande aptidão gastronómica.

Enólogos

David Baverstock e José Luis Moreira da Silva

Cor

Amarela citrina

Aroma

Aroma intenso e fresco dominado pelos frutos cítricos e frutas tropicais

Paladar

Na boca sobressai a sua acidez que em conjunto com o seu volume e textura lhe conferem um final longo e refrescante

Formatos

750 ml

Álcool/Volume

13 %

Acidez Total

6 g/l

pH

3.25

Açúcar Redutor / Baumé

0.6 g/l