Alentejo / Herdade do Esporão

Esporão Private Selection Tinto 2016

2016 2014 2013 2012 2011 2009 2008 2007

Tinto Branco

Conceito do Vinho

O Private selection tinto foi lançado pela primeira vez em 1987, com o nome “Garrafeira”. Inicialmente, produzido a partir das melhores barricas de Esporão Reserva, hoje resulta da combinação de parcelas únicas dos territórios onde estamos presentes, no Alentejo. Um vinho que demonstra a diversidade e riqueza do Esporão. Em anos excecionais esta combinação dá origem ao Torre do Esporão.

Fotografia no rótulo por António Poppe.

Prémios

Wine Enthusiast

94 pts | 2014 | 2011

93 pts | Cellar Selection | 2012 | 2007 | 2005

92 pts | Cellar Selection 2008

Wine Advocate / Robert Parker

92 pts+ | 2014

92 pts | 2007 | 2003

91 pts | 2008

90 pts | 2009 | 2004

Agricultura

A Primavera teve temperaturas mais baixas e com maior humidade do que em anos anteriores. As temperaturas mais frescas nesta altura do ano proporcionaram um período de crescimento vegetativo mais longo e, apesar do calor que se fez sentir a partir de Julho, o início da vindima aconteceu cerca de 10 dias mais tarde do que o habitual. O tempo quente continuou ao longo da colheita, a qualidade da fruta foi excelente e, apesar do calor, os níveis de açúcar permaneceram moderados, com a acidez um pouco mais baixa do que o normal.

 

GEOLOGIA DO SOLO

Vinha do Canto de Zé Cruz (Aragonez) – Solo  com textura franco-arenosa, com a presença de algumas pedras da rocha mãe – granito, após os primeiros 20m transita abruptamente para argila.

Vinha do Rochedo (Touriga Franca) – Solo originário de uma transição entre xisto e granito com textura franco-argilo-arenoso.

Vinha das Palmeiras (Alicante Bouschet) – Solos bastante argilosos e profundos, com boa drenagem.

Vinha do Machuguinho (Alicante Bouchet) – Vinhas a 400 metros de altitude onde predominam solos arenosos, de origem granítica.

Castas

Alicante Bouschet, Aragonez, Touriga Franca

Vinificação / Estágio

Cada parcela foi vinificada e estagiada em separado de acordo com o potencial do perfil de cada casta e respetiva origem.

O Aragonez iniciou a fermentação alcoólica em lagares de mármore com pisa a pé e terminou em cubas de betão onde também realizou a fermentação malolática. Estágio em balseiros de carvalho francês de 5000 litros.

A Touriga Franca fermentou em lagares de mármore com pisa a pé e estagiou em barricas de 500 litros de carvalho francês, onde também fez a fermentação malolática seguida de estágio. 

Ambas as parcelas da casta Alicante Bouchet fermentaram separadamente em cubas de betão. Realizaram a fermentação malolática em barricas novas de carvalho francês de 500 litros, onde permaneceram em estágio.

18 meses em barricas/balseiros seguido de 2 anos em garrafa.

Mais Informações

Ao longo do tempo, temos vindo aprofundar o conhecimento sobre os nossos territórios no Alentejo. Compreendemos melhor o seu potencial e tiramos partido da singularidade das nossas vinhas para produzir os melhores vinhos, ao ritmo da natureza.

Este conhecimento materializa-se no Private Selection tinto que combina a intensidade da Herdade do Esporão, à textura da Herdade dos Perdigões com a vitalidade da altitude de Lavradores em Portalegre. Cada vinha é  vinificada e estagiou em separado, de acordo com o perfil de cada casta, resultando num vinho completo, com textura, intensidade e vitalidade, que reflecte a diversidade e riqueza dos territórios do Esporão, no Alentejo e que em anos excepcionais dá origem ao Torre do Esporão.

Todos os anos convidamos um artista para ilustrar os seus rótulos, aliando a cultura portuguesa da produção de vinhos à arte.

Enólogos

David Baverstock e Sandra Alves

Cor

Granada profunda.

Aroma

Complexidade aromática relevando fruta preta madura, notas de cacau fresco e alguma pimenta.

Paladar

Textura sedosa, denso e firme, com a estrutura do tanino a conferir intensidade e persistência.

Formatos

750 ml   ·   1,5 l

Engarrafamento

Agosto 2018

Álcool/Volume

14.5 %

Acidez Total

6.64 g/l

pH

3.58

Açúcar Redutor / Baumé

3 g/l