Alentejo / Herdade do Esporão

Esporão Private Selection Branco 2017

2019 2018 2017 2016 2015 2014 2013 2012 2011 2010

Tinto Branco

Conceito do Vinho

Este vinho nasce em 2001 com o intuito de desafiar o perfil clássico dos grandes vinhos do Alentejo. A maturidade da vinha, da inusitada casta Semillon, aliada à selecção cuidadosa dos fornecedores de barricas tem vindo a reforçar o registo sólido, rico e complexo deste vinho.

Fotografia no rótulo de Albuquerque Mendes.

Agricultura

O Outono e o Inverno foram mais frios e chuvosos do que no ano anterior, registando-se os maiores níveis de precipitação e as temperaturas mais baixas entre Novembro e Fevereiro. Ainda assim, a temperatura e precipitação estiveram dentro dos valores médios dos últimos 18 anos. A Primavera teve temperaturas mais altas do que em 2016, levando à antecipação dos estados fenológicos. A Primavera quente e seca garantiu o desenvolvimento saudável das uvas. O início do Verão começou por ser mais quente do que no ano de 2016 (+2,0ºC), o que levou a uma antecipação do início da maturação. Os meses de Agosto e Setembro acabaram por decorrer com temperaturas mais baixas do que em 2016, com a maturação das uvas a ocorrer mais rapidamente e os níveis de açúcar mostrando-se mais elevados, o que originou vinhos brancos mais encorpados, com notas de fruta madura, e vinhos tintos ricos e concentrados.

Uvas provenientes da vinha das Palmeiras na Herdade dos Perdigões, propriedade do Esporão. Com exposição noroeste/sudoeste proporcionando protecção às uvas durante as horas de maior calor.

GEOLOGIA DO SOLO

Predominância argilosa, profundos e bem drenados, ideais para a produção equilibrada, desenvolvimento aromático e conservação da frescura.

IDADE DAS VINHAS

22 anos

Castas

Semillon

Vinificação / Estágio

As uvas chegam à adega durante a manhã, quando a temperatura está mais baixa, e são colocadas na prensa pneumática. Os ciclos de prensagem são longos com pressões baixas, permitindo extrações cuidadas para um mosto rico. A decantação é mais curta do que o habitual, o que ajuda a manter a complexidade do meio. A fermentação acontece em barricas novas de 550 litros de carvalho francês, numa cave com temperatura controlada a 18ºC.

Sobre as borras de fermentação acompanhado por batonnage, para proporcionar a integração entre a madeira e o vinho aumentando a sua cremosidade e profundidade. Após enchimento, permaneceu 6 meses em garrafa, durante os quais teve uma maturação controlada que promoveu a complexidade característica deste vinho.

Mais Informações

Private Selection tinto:

Ao longo do tempo, temos vindo aprofundar o conhecimento sobre os nossos territórios no Alentejo. Compreendemos melhor o seu potencial e tiramos partido da singularidade das nossas vinhas para produzir os melhores vinhos, ao ritmo da natureza. Este conhecimento materializa-se no Private Selection tinto que combina a intensidade da Herdade do Esporão, à textura da Herdade dos Perdigões com a vitalidade da altitude de Lavradores em Portalegre. Cada vinha é  vinificada e estagiou em separado, de acordo com o perfil de cada casta, resultando num vinho completo, com textura, intensidade e vitalidade, que reflecte a diversidade e riqueza dos territórios do Esporão, no Alentejo e que em anos excepcionais dá origem ao Torre do Esporão.

Private Selection branco:

O Esporão Private Selection branco foi lançado em 2001, com o nome “Garrafeira”. A vontade de fazer um vinho branco diferenciador, que desafiasse o perfil clássico dos grandes vinhos do Alentejo, levou o enólogo David Baverstock a trazer a casta Sémillon, da Austrália para a nossa Herdade dos Perdigões. Esta casta de origem francesa, é icónica na região de Barrosa Valley, na Austrália, onde cresce num clima semelhante ao do Alentejo.

Plantada em solos de origem granítica, argilosos e profundos, na vinha da Palmeiras adaptou-se bem aos nossos solos e calor alentejano. É desta vinha que nasce o Private Selection Branco.

Todos os anos convidamos um artista para ilustrar os seus rótulos, aliando a cultura portuguesa da produção de vinhos à arte.

Enólogos

David Baverstock e Sandra Alves

Cor

Aspecto cristalino, cor palha.

Aroma

Registo de fruta de polpa branca e tangerina madura, misturadas com as notas discretas da tosta da barrica e especiarias como o cravinho e a pimenta branca.

Paladar

Untuoso, rico e intenso. Com final amplo, profundo e persistente.

Formatos

750 ml

Engarrafamento

Julho 2018

Álcool/Volume

14.5 %

Acidez Total

6 g/l

pH

3.2

Açúcar Redutor / Baumé

2.6 g/l