Alentejo / Herdade do Esporão

Touriga Nacional 2015

2015 2014 2011 2010 2008 2007

Tinto

Conceito do Vinho

A Touriga Nacional é uma casta nobre, tradicional portuguesa, que confere ao vinho intensidade, equilíbrio e boa capacidade de evolução. Este vinho nasce numa das vinhas mais antigas desta casta no Alentejo – a vinha do Badeco, na Herdade do Esporão. É um vinho que conjuga a expressão da casta com as características e maturidade da vinha e a experiência das pessoas que ao longo dos anos cuidaram da vinha e do vinho.

Críticas

Wine Enthusiast

93 pts | Cellar Selection 2011

94 pts | Cellar Selection 2008

Agricultura

O inverno muito seco e as temperaturas acima da média, na primavera e verão, determinaram o início adiantado da vindima. Apesar das temperaturas elevadas, não houve calores extremos e durante a vindima o tempo manteve-se seco proporcionando uma qualidade notável das uvas, que se traduziu em vinhos de aromas frutados, intensos e persistentes.

Vinha do Badeco na Herdade do Esporão.

Modo de produção integrada. Sistema de poda é o Guyot bilateral, conduzida em monoplano vertical ascendente.

GEOLOGIA DO SOLO
Derivados de xistos de textura Franca a Franca-Limosa.

IDADE DA VINHA
mais de 30 anos

 

Castas

Touriga Nacional

Vinificação / Estágio

Vindima manual a 09 de Setembro de 2015. Pisa a Pé. O início da fermentação ocorreu em lagares de mármore, sendo depois trasfegado para depósitos de betão onde terminou a fermentação.

Barricas novas de carvalho francês durante 1 ano, seguido de no mínimo, dois anos em garrafa.

Mais Informações

Nasceu na Vinha do Badeco, na Herdade do Esporão, em 1988 e é, provavelmente, a vinha mais antiga desta casta no Alentejo.

É um vinho produzido apenas em anos de excepção, resultante de um intenso trabalho de experimentação e colaboração entre as equipas de enologia e viticultura da Herdade do Esporão. Tal trabalho assenta na vinificação de pequenos lotes da mesma casta provenientes de talhões distintos, em que o objectivo final é compreender e potenciar o carácter de cada casta associado ao tipo de solo e microclima em que está instalada.

A conclusão deste trabalho de ensaios contínuo das duas equipas consubstancia-se no lançamento destes vinhos de carácter singular, caracterizados pela baixa produção de cada variedade.

Enólogos

David Baverstock e Sandra Alves

Cor

Profunda, vermelho-escuro e roxo.

Aroma

Aromas a mirtilo, amora e ameixa; algumas notas de café misturadas com notas subtis de tosta de carvalho.

Paladar

Intenso, longo e com textura, equilíbrio e persistência.

Formatos

750 ml

Engarrafamento

Julho 2017

Álcool/Volume

14 %

Acidez Total

6.4 g/l

pH

3.65

Açúcar Redutor / Baumé

1.6 g/l