Alentejo / Herdade do Esporão

Canto do Zé Cruz: Aragonez

2013 2007

Tinto

Conceito do Vinho

Vinhos produzidos apenas em anos de excepção, a partir de parcelas singulares na Herdade do Esporão, que permitem expressar o potencial e carácter original da casta.

Agricultura

A colheita de 2013 caracterizou-se pela Primavera chuvosa seguida de um Verão seco com temperaturas diurnas elevadas, compensadas por noites frescas. Estas condições possibilitaram a maturação ideal e consistente das uvas.

A vinha do Canto do Zé Cruz foi plantada em 1974. Tradicionalmente esta é a última vinha que colhemos de Aragonez pois, devido à idade, a maturação fenólica desenvolve-se de forma mais lenta e homogénea, originado vinhos perfumados, vibrantes e genuínos.

GEOLOGIA DO SOLO
Solo franco-arenoso, com a presença de algumas pedras da rocha mãe (granito) que, após os primeiros 20cm, transita abruptamente para argila.

IDADE DAS VINHAS
41 anos

Castas

Aragonez

Vinificação / Estágio

Fermentação com temperaturas controladas (25ºC), em cuba roto fermentativa.

Estagiou durante 12 meses em barricas novas de carvalho francês de 500 litros, seguidos de mais 24 meses em garrafa, antes de ir para o mercado.

Mais Informações

Vinho nascido no “Canto do Zé Cruz”, cujas vinhas têm mais de 35 anos. Produzem uvas de cor intensa e aromas concentrados. De maturação precoce e bom rendimento, a casta Aragonez dá origem a vinhos de elevado teor alcoólico, acidez equilibrada e capacidade de envelhecimento.

Enólogos

David Baverstock e Luís Patrão

Cor

Cor viva e concentrada.

Aroma

Notas de groselha preta combinadas com algum vegetal seco, que amplia a noção de frescura e seriedade.

Paladar

Profundo e sedoso, com taninos bem integrados e apontamentos de especiarias, num conjunto elegante e intenso.

Formatos

750 ml

Engarrafamento

Julho 2015

Álcool/Volume

14 %

Acidez Total

6.8 g/l

pH

3.55

Açúcar Redutor / Baumé

4.1 g/l