Azeites

Azeite DOP Moura

2015 2014 2013

Azeite Virgem Extra

Conceito do Azeite

Azeite representativo da região de Denominação de Origem Protegida (DOP) de Moura, no baixo Alentejo. Apresenta notas exuberantes a erva e folhas verdes, textura aveludada, e suave aroma amendoado.

Prémios

2016, OLIVINUS – Gran Prestigio Oro

Olival

Produção Integrada

Seleccionamos explorações olivícolas de base familiar da região demarcada de Moura, onde a cultura da oliveira existe há várias gerações. Parte deste olival segue o sistema tradicional, sendo os olivais mais novos conduzidos em regime intensivo. No sistema tradicional muitas oliveiras têm idade superior a 100 anos com uma disposição de largo espaçamento entre as árvores, sendo estas de grande porte. No sistema intensivo, as novas plantações apresentam-se em compassos mais pequenos resultando em árvores de médio porte, mais adaptadas à colheita mecânica. O sistema cultural predominante é a Produção Integrada que tem por base práticas culturais mais sustentáveis ambientalmente e a utilização de fauna auxiliar no controlo das pragas e doenças da oliveira.

Variedades

Cordovil, Galega, Verdeal

Campanha

Esta campanha caracterizou-se por um Verão seco, com temperaturas elevadas, condições climáticas que se prolongaram até meados do Outono, provocando um fraco desenvolvimento da mosca da azeitona. As temperaturas elevadas perduraram até inícios do mês de Dezembro, obrigando muitos dos nossos fornecedores a regarem o olival em zonas onde a colheita estaria mais atrasada. Essas temperaturas, anormalmente elevadas, associadas a alguma humidade, criaram condições excelentes para o desenvolvimento da gafa, doença essa que é muito prejudicial à qualidade da azeitona. Foi um ano de boa produção, com uma maturação precoce e altos rendimentos, onde o início e a rapidez da colheita foi determinante para a obtenção de azeites de alta qualidade, iniciando-se a apanha no início de Outubro e terminando no último dia de Dezembro.

Produção

As azeitonas são transportadas em separado, por variedades, e recebidas no lagar do Esporão poucas horas depois da colheita, sendo imediatamente processadas.

A extracção inicia-se com a moenda rápida dos frutos. A seguir à moenda a pasta resultante é sujeita a um batimento lento de forma a permitir a saída do azeite das células da polpa.

A pasta segue para o decanter, onde é separado o azeite do bagaço de azeitona e da água, resultando um azeite ainda com alguma humidade e impurezas.

O azeite é limpo por centrifugação, estando desta forma pronto para ser filtrado e embalado.

Mais Detalhes

Produção Anual

125.000 Lt

Visual

Verde amarelado.

Olfativo

Frutado maduro, com notas de verde folha, maçã e frutos secos.

Gustativo

Fresco, amargo e ligeiramente picante, fazendo lembrar amêndoa verde e casca de banana.

Utilização e Harmonização

Azeite de características organolépticas complexas, de intensidade média a ligeira, adaptado a saladas, tibornas e até mesmo açordas.

Acidez Máxima

0.3°

Formatos

250 ml   ·   500 ml   ·   750 ml

Conservação

Para melhor preservação das características deste azeite natural, recomenda-se a sua conservação em local fresco e protegido da luz.