newsletter

Os 50 melhores vinhos de Portugal?

3 Mai 2013

O conhecido crítico inglês Olly Smith incluiu os 2 vinhos Esporão Reserva, Tinto 2010 e  Branco 2011, na sua selecção dos 50 Great Portuguese Wines.

 Todos os anos a competição “50 Great Portuguese Wines” é realizada no Reino Unido. Para a realizar um crítico de vinhos entra em profundo conhecimento com os vinhos de Portugal, durante um ano.

Este ano o  crítico convidado pela Viniportugal foi Olly Smith que é conhecido pela sua participação em programas televisivos como o BBC1’s Saturday Kitchen, The Secret Supper Club e Iron Chef UK.

Este reconhecimento vem confirmar a qualidade e consistencia do trabalho desenvolvido pelo enólogo-chefe do Esporão, David Baverstock, que juntamente com Sandra Alves, enóloga para os vinhos brancos e Luis Patrão, enólogo responsável pelos vinhos tintos, cada ano têm contribuído para a afirmação dos vinhos do Esporão e dos vinhos de Portugal no contexto internacional.

Produzido a partir de uvas da Herdade do Esporão, desde a sua primeira colheita, em 1985, que o Esporão Reserva mostra a consistência e o caracter rico e típico dos melhores vinhos do Alentejo.

 Mantendo a sua tradicional base de castas DOC Alentejo, Arinto, Antão Vaz e Roupeiro, o Esporão Reserva Branco 2011 é um vinho com excelente textura, complexidade, marcadamente mineral e muito elegante. Em prova, revela um aspecto cristalino e reflexos esverdeados e um aroma rico e intenso, com notas frutadas de tangerina e alperce maduro. O paladar é complexo, equilibrado e preenchido pela fruta, deixando na boca um final longo e fresco.

 O Esporão Reserva Tinto 2010 revela a consistência e o carácter rico e típico dos melhores vinhos do Alentejo. Produzido com castas tradicionais da região – Aragonês, Trincadeira e Alicante Bouschet e uma percentagem de Cabernet Sauvignon, estagiou durante 12 meses em barricas de carvalho americano (70%) e francês (30%) e mais 12 meses em garrafa. Apresenta-se como um vinho de aroma intenso, sugerindo frutos maduros, com suaves notas de madeira e sugestões de especiarias. Na boca demonstra o seu perfil encorpado e bem equilibrado, com taninos firmes que indicam uma boa longevidade em garrafa.


SHARE